O SP Race Park abre os trabalhos em junho com o Campeonato de Motocross da Federação Paulista de Motociclismo

POR REDAÇÃO

FOTOS: DIVULGAÇÃO

O motocross começou no Brasil em 1972 e reuniu plateias que chegavam a 60.000 pessoas. Ao longo dos anos, o esporte entrou em decadência, as pistas sumiram e os organizadores desistiram da empreitada, que parecia mais heroica do que comercial.

A partir do dia 25/05, o rumo do motociclismo off-road vai mudar! Em Jarinu, está nascendo o SP Racing Park, que vai abrigar não só o Campeonato de Motocross da Federação Paulista de Motociclismo, mas todas as outras categorias off-road, oferecendo um show para a plateia, segurança para os pilotos e uma estrutura comparada a dos Parques de Competição existentes fora do Brasil.

Com a chancela da Federação Paulista de Motociclismo e a autoridade de quem tem mais de 30 anos no esporte, o diretor de eventos Percival Nascimento, responsável pela criação do Parque conta: “Queremos reviver os grandes campeonatos realizados no Estado de São Paulo. E, através disso, incentivar o esporte, especialmente a nova geração de pilotos”.

JARINU

A área de Jarinu foi a escolhida para abrigar o empreendimento por conta da sua localização geográfica privilegiada, próximo a São Paulo, Campinas e a cidades com grande tradição no esporte, como Bragança Paulista e Atibaia.

Além disso, o local já era conhecido dos praticantes do Motocross há mais de 20 anos, onde até então funcionava a pista do Nino Bernucci, que colaborou ativamente no projeto. “Para mim é como assistir um sonho sendo realizado. Ver a minha pista se transformar nesse Parque de Competições off-road. Convido todos aqueles que me acompanharam a conhecer o SP Race Park”, diz Nino.

Os boxes contarão com sanitários e vestiários para as equipes, lava motos e instalações elétricas e hidráulicas. O público terá toda a atenção desde a recepção e estrutura de sanitários, praça de alimentação e segurança. Junto com a estrutura para as competições, será implantada uma área de entretenimento para a realização de shows, exposições, feiras, eventos e encontros de motos, além de um espaço cultural e museu. Tudo isso deverá fomentar ainda mais o turismo da região.

MOTOCROSS 2019

A largada de tudo isso será dada em junho de 2019 com as 3 etapas do Campeonato Paulista de Motocross. “Um empreendimento muito bem estruturado, que vai trazer retornos positivos tanto ao esporte como para os praticantes e patrocinadores”, conclui Percival.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Veja Também