O verdadeiro pico para quem curte aventura, passeios gastronômicos, relaxar junto à natureza ou explorar a história local em meio à topografia acidentada da região

POR REDAÇÃO

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Atrações não faltam na cidade que é cortada pelo Rio do Peixe e fica a aproximadamente 130km da capital paulista, uma das nove a integrar o Circuito das Águas. Próxima à divisa com o estado de Minas Gerais, a Estância Hidromineral de Socorro é cercada por montanhas e está ao pé da Serra da Mantiqueira. Com clima ameno e aconchegante, graças à vegetação e a altitude de aproximadamente 720m acima do nível do mar, a região é um paraíso para os aventureiros.

Destino perfeito para moto turistas e pessoas que buscam uma forma de se conectar com a natureza, explorar culturas e tradições, das visitas aos mirantes mais altos até a gastronomia do fogão a lenha, a produção artesanal de alimentos, doces, frutas e as fazendas de café. Além disso, conta com infraestrutura hoteleira, chalés e áreas para camping, deixando a sua escolha o nível de conforto da estadia.

Os passeios guiados por pessoal qualificado e certificado junto ao Ministério do Turismo garantem a segurança de todos na visitação de parques e trilhas pela região. A cidade tem vasto número de operadores turísticos à disposição.

Saindo do agito urbano de macro regiões como Campinas e São Jose dos Campos, bastam algumas horas de estrada para experimentar diversos tipos de cachoeiras, quedas d’água, paraísos ideais para a prática de esportes, aproveitar as belezas naturais e o cenário para tirar fotos, meditar e escutar os sons da floresta.

Das opções de passeios guiados e autoguiados a bordo de motos off-road, quadriciclos e bikes, aos que preferem um pezinho na terra, usando rotas e trilhas catalogadas especificamente para caminhadas, locais de escalada, rapel, trekking, exploração de grutas e cavernas. Dê um salto em direção às nuvens num emocionante voo livre ou sinta o ar fluir pelo corpo enquanto sobrevoa a cidade a bordo de um paraglider.

E para quem não têm medo de cair na água, o principal rio da cidade permite a prática de atividades como canoagem, rafting, boia cross e outras, algumas devidamente adaptadas para pessoas com mobilidade reduzida. Desde 2004 a cidade vem se aprimorando para proporcionar conforto e acessibilidade para todos, não apenas no comércio e infraestrutura básica como também na inclusão através destas atividades.

Os mais antenados nas questões de preservação, turismo sustentável e ecoturismo, podem ver de perto como a “cidade aventura” mostra toda sua preocupação com os recursos naturais, através dos programas de revitalização de nascentes e florestas, do incentivo às atividades rurais que mostram aos turistas as boas práticas de cultivo e da criação de animais, entre outros. A topografia acidentada da região tem relação intima com a história local, dos indígenas aos bandeirantes, dos caminhos tortos na mata até a primeira igreja, construída em homenagem a Nossa Senhora do Perpetuo Socorro, a atual igreja matriz.

Portanto, seja para uma temporada de descanso e relaxamento com atividades ao ar livre, acompanhado de seu pet (algumas aventuras são pet friendly), de crianças, idosos, solteiros e casais, ou para aqueles que buscam elevar os níveis de adrenalina, aprimorar os reflexos, competir ou se preparar para uma prova, Socorro tem a diversidade necessária para atender todos os públicos. São mais de 22 atividades de aventura conectadas com a natureza à disposição dos entusiastas.

Uma das 19 estâncias hidrominerais do estado, a cidade foi fundada em 1738 e, de lá para cá, sua economia já foi baseada na produção de café, malharia e confecção, agricultura, turismo de aventura, ecoturismo, atraindo até hoje, turistas e moradores, graças a qualidade de suas águas.

O clima ameno se prolonga durante o ano, mesmo no verão, por conta da grande quantidade de chuvas, a vegetação nativa e outros fatores, mas nos meses de junho e julho no inverno, os dias ficam bem frios, ideais para bebidas quentes em frente a lareira e casacos mais pesados.

Socorro já foi sede de competições que envolvem provas de dificuldade extrema. Uma das pioneiras a participar do processo de adequação da infraestrutura para receber pessoas com mobilidade reduzida, não apenas seus hotéis, restaurantes e teatros, ruas e calçadas ficaram mais acessíveis, mas também os locais para prática das atividades de aventura. Os equipamentos utilizados são adaptados e permitem que estas pessoas pratiquem a modalidade de sua preferência com segurança e conforto.

Por tudo isso, Socorro é uma das principais cidades brasileiras a oferecer o que há de melhor em aventura, lazer e entretenimento para turistas de todos os cantos do país e do mundo com certificação do Ministério do Turismo.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Veja Também