Hotéis de luxo na Europa promovem experiências etílicas

Até mesmo um simples drinque torna-se refinado nestes hotéis, que possuem áreas dedicadas a bebidas específicas e cartas especiais

Texto: Redação
Fotos: Divulgação

A Europa é a região com maior consumo per capita de bebidas alcoólicas do mundo: quase 11 litros por ano, em média, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) – costume que tem relação direta com as baixas temperaturas do continente. É difícil encontrar algum pub europeu vazio depois das cinco da tarde, por isso muitos hotéis investem em uma carta de bebidas completa para agradar aos hóspedes e visitantes mais exigentes – afinal, nada como apreciar uma boa taça de vinho ou um martíni com conforto.

No Le Salon de Champagne do The Arch – hotel boutique de luxo em Londres, a poucos passos do Hyde Park – londrinos e viajantes descolados se encontram para degustar a bebida em espaços privativos, enquanto relaxam em poltronas gigantes e apreciam o teto elegantemente grafitado com citações famosas sobre champanhe e notas de degustação, desenhado pela premiada ilustradora Sara Fanelli. Depois partem para a biblioteca do hotel, logo ao lado: um espaço refinado que abriga o Martini Bar. No cardápio, opções de drinques que vão do clássico ao ousado, a exemplo do “Indian Clouds”, receita que leva uma infusão de chá de jasmim com gim, licor de caramelo, suco de toranja rosa e limão.

Já em Paris, o hotel de luxo Le Cinq Codet, com endereço no 7ème – bairro mais requintado da cidade –, proporciona uma experiência sensorial por meio dos Workshops de Coquetéis, que acontecem na primeira quinta-feira de cada mês. Durante uma hora e meia, seis participantes têm a chance de aprender a preparar bebidas saborosas e com apresentação impecável.

Também na Cidade Luz, uma ótima opção é conhecer o bar do Le Burgundy – hotel boutique clássico e discreto localizado no 1º arrondissement de Paris, próximo à Rue Saint Honoré, famosa por reunir lojas de luxo. Batizado de Le Baudelaire em homenagem ao poeta francês Charles Baudelaire – o espaço foi palco do leilão dos objetos pessoais do poeta após sua morte –, o bar dispõe de 40 rótulos diferentes de conhaque, além de diversas marcas de champanhe.

Para os fãs de destilados que escolherem Florença como destino, vale uma visita ao Villa Cora, hotel que fica próximo ao centro histórico da cidade. No espaço chamado de fumoir estão os mais valiosos charutos de todas as partes do mundo, que podem ser acompanhados por um conhaque ou licor, também disponíveis em uma generosa carta de bebidas.

Perto dali, no hotel Castello del Nero, que fica no coração da região vinícola de Chianti e a apenas 20 minutos de Florença, Siena e San Gimignano, os hóspedes podem participar de “duelos” de vinho, sob a coordenação do sommelier do hotel. Durante uma hora e meia, os participantes degustam Chianti Clássico, Brunellos ou os famosos “Super Toscanos” e confrontam o sabor de cada rótulo. Os eventos podem reunir até 8 pessoas e são acompanhados por frios e queijos típicos da Toscana. Além disso, há um pacote de hospedagem que inclui degustação em uma vinícola local, visita aos vinhedos e demonstração do processo de produção.

Já em Cascais, em Portugal, vale experimentar as sangrias preparadas no bar do Farol Hotel, que tem vista privilegiada para o Oceano Atlântico. Durante o verão, o Bar On the Rocks é a melhor pedida para saborear essa bebida refrescante ao ar livre.

Para mais informações, acesse os sites dos hotéis: www.thearchlondon.com, www.le5codet.com, www.leburgundy.com, www.villacora.it, www.castellodelnero.com e www.farol.com.pt.

DEIXE UMA RESPOSTA