Lewis segue líder isolado na SuperBike. Confira a classificação da categoria

Próxima etapa do SuperBike Brasil acontece dia 17 de julho em Interlagos – SP

Texto: Redação
Fotos: Divulgação/Johanes Duarte/Marcos M. Carmona/VGCOM

Para o piloto que conseguiu apenas uma vitória em toda a temporada passada, o início deste ano tem sido fantástico. Danilo Lewis (#17), da equipe Tecfil Racing Team, deixou de ser apenas um adversário forte nas disputas pelas primeiras posições e se tornou um líder, até então, imbatível. Lewis venceu a terceira corrida consecutiva e desponta isolado no topo da tabela de classificação da SuperBike, a principal categoria do Super Bike Brasil.

A sorte parece mesmo estar brilhando para o piloto de Osasco, cidade da Região Metropolitana de São Paulo. Se nas etapas passadas a vitória veio como resultado de um grande desempenho na pista, na corrida do último domingo (12), realizada no Autódromo de Interlagos, a primeira colocação foi um verdadeiro presente dos deuses. Com o abandono do italiano Sebastiano Zerbo (#81), da equipe BMW Motorrad Alex Barros Racing, após cair na 11ª volta, e do choque entre os dois ponteiros – Diego Faustino (#68), da Honda, e Marco Solorza (#55), da JC Racing Team – já na volta final, Lewis ganhou todas as posições que precisava para terminar a corrida na liderança.

Com o resultado, o piloto da equipe Tecfil mantém o 100% de aproveitamento no campeonato e soma 50 pontos na tabela de classificação – isso já considerando com o descarte.

“Após uma corrida disputadíssima, conquistamos a P1 novamente. Meu pneu traseiro começou a murchar no meio da corrida e o freio dianteiro começou a baixar. Pensei que não daria para terminar a corrida. Mas, graças a Deus, o homem lá de cima não me deixou abandonar a prova. Novamente fiz a melhor volta da prova, 1m37s632. Agora é se preparar para a próxima etapa no dia 17 de julho”, diz Lewis.

Maico Teixeira (#36), da equipe Honda, também foi beneficiado com a queda dos três adversários e terminou a corrida em terceiro. Com isso, o piloto ganhou uma posição na classificação geral e agora ocupa a vice-liderança no campeonato com 36 pontos. Já o atual campeão da SuperBike, Diego Faustino (#68), da Honda, fez o movimento contrário e caiu para o terceiro lugar. Através da sua conta oficial no Facebook, ele comentou sobre o incidente:

“Apesar de ter sido impedido de terminar a prova a meia volta para o fim [da corrida], enquanto liderava, foi um final de semana melhor que o da etapa passada. Pude me encontrar novamente e voltarei ainda mais forte. Em um segundo tudo pode mudar em nossas vidas e a única coisa que realmente podemos contar é com a proteção de Deus”, declarou Faustino.

Já o piloto Marco Solorza (#55), da equipe JC Racing Team, reconheceu erro – por forçar a ultrapassagem onde não havia condições para isso – e disse se tratar de ‘acidente de corrida’:

“Larguei na quinta posição e vinha muito bem na prova. Conseguimos avançar até o primeiro posto e faltando meia volta para o fim tentei ultrapassar o líder e fomos para o chão. Acidente de corrida. A vontade de vencer pode nos levar a cometer um erro”, declarou Marco Solorza horas após a corrida.

De volta à tabela de classificação, José Luiz “Cachorrão” (#51), da equipe Honda, ganhou três posições após faturar a vice-liderança na 3ª Etapa e agora assume o quarto lugar no campeonato com 31 pontos.

Enquanto isso, o italiano Sebastiano Zerbo (#81), da equipe BMW Motorrad Alex Barros Racing, mesmo sem pontuar na última corrida perdeu apenas uma posição e ocupa o quinto lugar com 29 pontos.

“A moto estava muito boa. Vinha brigando entre os primeiros e acredito que tínhamos grandes chances de vencer essa corrida. Mas, faltando quatro voltas, acabei caindo. Ainda não sabemos o que aconteceu, qual foi o motivo da quebra, mas a equipe está verificando. Foi bem num momento em que estava me recuperando e me preparava para atacar os dois que estavam à frente”, lamentou Zerbo.

Confira a lista com os 10 primeiros colocados no campeonato:

1º – Danilo Lewis (#17), da Tecfil Racing Team – 50 pontos

2º – Maico Teixeira (#36), da Honda – 36 pontos

3º – Diego Faustino (#68), da Honda – 33 pontos

4º – José Luiz “Cachorrão” (#51), da Honda – 31 pontos

5º – Sebastiano Zerbo (#81), BMW Motorrad Alex Barros Racing – 29 pontos

6º – Wesley Gutierrez (#134), da Kawasaki Racing Team – 25 pontos

7º – Diego Pretel (#88), da BMW Motorrad Alex Barros Racing – 20 pontos

8º – Bruno Corano (#34), da Kawasaki Racing Team – 19 pontos

9º – Mauro Thomassini (#5), da Motom – 18 pontos

10º – Fernando Guerra (#913), da Motonil Motors – 13 pontos

O próximo desafio dos pilotos da categoria SuperBike está programado para acontecer no dia 17 de julho, em Interlagos – SP.   Lembrando que os Ingressos para arquibancada são gratuitos. Informações Adicionais: Tel.: 11 5524-5684 ou pelo site: www.superbike.com.br

SuperBike Brasil

4° SuperBike Brasil: 17 de Julho – Interlagos-SP

5° SuperBike Brasil: 21 de Agosto – Interlagos-SP

6° SuperBike Brasil: 25 de Setembro – Curvelo-MG

7° SuperBike Brasil: 23 de Outubro – Goiânia-GO

8° SuperBike Brasil: 13 de Novembro – Londrina-PR ou Pista no Rio Grande do Sul Realização da Etapa

9° SuperBike Brasil: 11 de dezembro – Curvelo – MG

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA