Mesmo recuperando-se de lesão, a gaúcha foi imbatível e conquistou mais uma vitória em sua carreira

POR REDAÇÃO

FOTO: LUCAS BASSO

Nos últimos anos o nome de Maiara Basso tornou-se conhecido no cenário esportivo nacional em função de suas conquistas, mas 2018 foi um ano singular para esta gaúcha de apenas 22 anos. Ano passado ela tornou-se a primeira piloto a sagrar-se campeã em um mesmo período, em três diferentes categorias: ela venceu os títulos nacionais do motocross, do enduro e do velocross, o que a fez chegar à incrível marcar de 8 conquistas em campeonatos brasileiros: quatro títulos no motocross, três no velocross e um no enduro.

E 2019 começou para ela da mesma maneira com que terminou o ano passado: vencendo! Neste final de semana, Maiara e seus irmãos Lucas e Mateus Basso estiveram na cidade paranaense de Lapa para disputarem a etapa de abertura do Campeonato Brasileiro de Velocross e, mesmo ainda recuperando-se de uma lesão na clavícula, sofrida em meados de janeiro, a “Gringa”não deu chances às adversárias neste final de semana, estando à frente desde os primeiros treinos livres.

“A pista de Lapa é muito rápida, com paredões que te fazem andar lançada o tempo todo, e como ainda estou me soltando, não andei no ritmo que gostaria e que sei que posso, mas mesmo assim, larguei na frente e finalizei com 25 segundos de vantagem para a segunda colocada”, explicou Maiara, que passou por uma cirurgia no último dia 17 de janeiro para a colocação de uma placa e mais sete parafusos. “Voltei a treinar tem pouco tempo, o que significa que ainda não estou na minha melhor forma, mas em breve estarei mais solta e confiante”, completou a piloto.

O próximo desafio dos irmãos Basso já está definido: dias 13 e 14 de abril, na abertura do Brasileiro de Motocross, em Alfenas (MG).

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here