Dupla chegou a liderar no início da Especial, mas teve problemas durante ultrapassagem e um pneu furado que custaram minutos preciosos, tanto que finalizou a 4min07s dos poloneses que venceram o dia. No acumulado do rali estão em 6º nos UTVs T4

Na 9ª etapa do Rally Dakar, Rodrigo Luppi/Maykel Justo completaram na 4ª posição nos UTVs T4 a Especial (287 km) em laço, em Wadi Ad Dawasir, em meio a montanhas, pedras, cânions e areia. A dupla andou forte e chegou a liderar no início da Especial, mas teve problemas durante uma ultrapassagem que rendeu um pneu furado e custou minutos preciosos. Os brasileiros finalizaram a Especial em 3h04m59s, a 4min07s da dupla polonesa que venceu nesta terça-feira. No resultado acumulado do rali seguem em 6º nos UTVs T4.

“Dia muito rápido de deserto aberto, alternando com montanhas e passagens com pedras no meio de vale e cânions. Estávamos vindo bem, mas assim como ontem quando andamos 100 km na poeira de uma dupla que não respeita o Sentinel (equipamento de ultrapassagem que facilita o pedido de passagem e oferece mais segurança), hoje foi a mesma coisa, nada dele abrir e nessa, devido ao pó excessivo pegamos uma pedra que furou o pneu”, explica Luppi que compete com um Can-Am Maverick XRS preparado pela South Racing.

Segundo o piloto, apesar do incidente, a dupla segue firme e focada para mais três dias de rali. “Estamos felizes porque amanhã vamos largar junto aos ponteiros e recuperamos mais algumas posições. O UTV está inteiro e vamos acelerar para buscar mais um bom resultado”, completa o paulista que faz sua estreia no Dakar.

Das 12 etapas desta 44ª edição, a dupla brasileira concluiu nove e, agora, o Dakar vai caminhando para reta final. Na etapa desta quarta-feira, os competidores largam rumo a Bisha, cidade localizada mais ao sul da Península Arábica e onde a caravana fica por dois dias.  A 10ª Especial terá 375 km de um total de 759 do dia. O Dakar termina na sexta-feira em Jeddah.

A equipe Luppi Racing Team tem patrocínio da Nova Canabrava Bioenergia com apoio da South Racing. Para acompanhar a aventura dos brasileiros no Rally Dakar 2022: Instagram @luppi_rally_team e Facebook @luppiracingteam

Resultado Rally Dakar – Etapa 9 – 11/jan
Top 5 UTV T4 (SSV)
1) #410 Marek Gogzal/Lukasz Laskawiec (Polônia) – 3h0052s
2) # 401 Austin Jones (EUA)/Gustavo Gugelmin (Brasil) – 3h01m50s
3) #403 Michal Gogzal/ Szymon Gospodarczk (Polônia) – 3h03m28s
4) # 415 Rodrigo Luppi/Maykel Justo (Brasil) – 3h04m59s
5) # 402 Aron Domzala/Macief Marton (Polônia) – 3h06m27s

Resultado Acumulado UTVs T4 (após nove etapas) – Top 6
1) # 401 Austin Jones (EUA)/Gustavo Gugelmin (Brasil) – 37h14m28s
2) # 416 Gerard Guell/Diego Ortega (Espanha) – 37h28m15s
3) # 403 Michal Gogzal/ Szymon Gospodarczk (Polônia) – 37h30m55s4) #410 Marek Gogzal/Lukasz Laskawiec (Polônia) – 37h46m47s
5) #414 Rokas Baciuska (Lituânia)/Oriol Mena (Espanha) – 37h50m58
6) # 415 Rodrigo Luppi/Maykel Justo (Brasil) – 38h17m21s

ROTEIRO DAKAR 2022 (Arábia Saudita)

Etapa 10 — Quarta-feira, 12/janeiro – Wadi Ad Dawasir > Bisha
Especial: 375 km- Total do dia: 759 km

Etapa 11 — Quinta-feira, 13/janeiro — Bisha > Bisha
Especial: 346 km – Total do dia 501 km

Etapa 12 — Sexta-feira, 14/janeiro – Bisha > Jeddah
Especial: 164 km – Total do dia: 680 km

TOTAL Especiais: 4.258 km
TOTAL Roteiro: 8.375 km

Moto Adventure, a Revista dos Melhores Motociclistas

Let’s Go Together!

Deixe uma resposta