A quarta etapa do Mundial de Motovelocidade foi marcada por diversas quedas, tanto na Moto2 como nas outras categorias

POR REDAÇÃO
FOTOS: MIRCO LAZZARI

O circuito de Jerez de la Frontera, Angel Nieto, recebeu a quarta etapa do Mundial de Motovelocidade, neste domingo (06). Os pilotos da Forward Racing não tiveram uma disputa fácil. Ambos sofreram quedas que os tiraram do certame antes do final da corrida. Mesmo com as melhorias continuas durante todo final de semana, o calor e os acidentes em todas as categorias prejudicaram pilotos e equipes em Jerez.

Eric Granado teve que lidar com um infeliz acidente nas primeiras voltas da corrida. Ele crescia durante a disputa e já havia alcançado a 22ª posição na corrida, ganhando cinco posições, quando sofreu a queda. A próxima corrida acontecerá em Le Mans, no dia 20 de maio, e pilotos e equipe contam com as melhorias alcançadas para atingir resultados otimistas.

“O fim de semana foi realmente emocionante. No geral, a sensação foi boa, estou mais confiante com a moto e sinto-me progressivamente mais confortável, mas infelizmente ainda há muitos pontos para trabalhar e melhorar, especialmente nas entradas de curva, onde tenho mais dificuldade e que foi a causa das quatro quedas deste fim de semana. Lamento porque com poucas voltas feitas temos pouco material para analisar e isso torna tudo mais complexo. Vamos trabalhar duro para o próximo GP, onde vamos tentar mais ajustes. Estamos confiantes de que podemos encontrar a melhor solução para mim e meu estilo de condução na Suter”, diz Eric.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here