Brasileiros estão entre os primeiros no Rally Dakar

dakar-3
Rally Dakar 2017

Apesar do forte calor na região do Chaco argentino, pilotos brasileiros colheram bons resultados no Dakar 2017

Texto: Redação
Fotos: Divulgação/Gustavo Epifanio/Marcelo Machado Melo/Victor Eleuterio/

Novo show brasileiro no Rally Dakar. Após a segunda etapa da competição, a dupla Leandro Torres e Lourival Roldan está na terceira posição nos UTVs na classificação geral. Mesma colocação do maranhense Marcelo Medeiros nos quadriciclos. Nas motos, o catarinense Ricardo Martins é o 46º, Gregorio Caselani o 62º e o paulista Richard Fliter, o 64º. Nos carros, Sylvio de Barros e Rafael Capoani estão em 26º (todos os resultados são extra-oficiais). Nesta terça-feira (3/1) os competidores rodaram 803 quilômetros, sendo 275 cronometrados (especial), entre as cidades argentinas de Resistencia e San Miguel de Tucumán.

Esta foi a terceira etapa mais longa prevista para esta edição do Rally Dakar. A prova foi realizada na região do Chaco argentino. Além da distância, eles ainda enfrentaram o forte calor e muita poeira. No acampamento do rali em Tucumán, a sensação térmica passou dos 50 graus.

Para amanhã (quarta-feira), a distância total será menor (780 quilômetros). Porém, a especial é maior (364 quilômetros). Neste trecho, a organização da prova orienta os participantes a manterem a atenção e estarem sempre em estado de alerta, principalmente na travessia de rios.

“Fizemos uma pilotagem segura, em razão da forte poeira. A temperatura também estava muito elevada, mas estes são adversários que sabíamos que iríamos enfrentar. O importante é que terminamos esta etapa, que foi muito dura”, contou Sylvio de Barros.

“Foi uma etapa muito dura, na qual chegamos a estar na primeira colocação no início do trecho. Foi uma mostra do que será o Rally Dakar”, afirmou Leandro Torres.

“Procurei pilotar de modo consciente para poder concluir a etapa. A especial de hoje foi dura, muito quente mais uma vez. Larguei lá atrás e fiquei travado na poeira dos demais pilotos. Era praticamente um voo cego e eu não tinha como arriscar em ir mais para frente. Entretanto, minha Honda CRF 450 Rally se comportou bem durante o dia e eu ainda ganhei três posições em relação à ordem de largada. Estou satisfeito com o resultado”, afirmou Gregorio Caselani. No primeiro dia de prova, depois que subir 80 posições no grid, Gregorio foi penalizado em 1 minuto por excesso de velocidade em um dos radares.

Resultado da segunda etapa
Motos

1° – Toby Price (KTM) 2h37min32
2º – Matthias Walkner (KTM) +3min22
3° – Paulo Gonçalves (Monster Energy Honda Team) + 3min51
4º –  Xavier De Soultrait (Yamaha) + 4min06
5º – Sam Sunderland (KTM) + 4min06
42º – Ricardo Martins (Yamaha) + 30min49
62º – Gregorio Caselani (Honda Solth America Rally Team) + 45min26
64º – Richard Fliter (Honda) + 46min39

Carros
1º – Sebastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot) – 2h06min55
2º – Nasser Al-Attiyah / Matthieu Baumel (Toyota) + 1min23
3º – Carlos Sainz / Lucas Cruz (Peugeot) + 2min18
4º – Giniel De Villiers / Dirk Von Zitzewitz + 2min19
5º – Nani Roma / Alex Haro Bravo (Toyota) + 3min22
26º – Sylvio de Barros / Rafael Capoani (MINI) + 35min29

Quadriciclos
1° – Pablo Copetti (Yamaha) 3h14min29
2º – Nelson Sanabria Galeano (Yamaha) + 1min59
3º – Axel Dutrie (Yamaha) + 5min31
4º – Ignacio Casale (Yamaha) + 5min36
5º – Marcelo Medeiros (Yamaha) + 6min04

UTVs
1° – Mao Ruijin / Sebastien Delaunay (Polaris) 3h46min58
2º – Li Dongsheng / Quanquan Guan (Polaris) + 58min18
3º –  Leandro Torres /Lourival Roldan + 2h07min27
4º – Santiago Navarro / Oriol Vidal + 2h12min49
5º – Wang Fujiang / Li Wei (Polaris) + 2h37min02

Classificação acumulada após a segunda etapa
Motos

1° – Toby Price (KTM) 3h07min17
2º – Matthias Walkner (KTM) + 2min39
3º – Paulo Gonçalves (Monster Energy Honda Team)  + 2min54
4º – Sam Sunderland (KTM) + 3min23
5º – Xavier De Soultrait (Yamaha) + 3min41
46º – Ricardo Martins (Yamaha) + 34min29
62º – Gregorio Caselani (Honda Solth America Rally Team) + 50min17
64º – Richard Fliter (Honda) + 52min50

Carros
1º – Sebastien Loeb / Daniel Elena (Peugeot) – 2h33min31
2º – Nasser Al-Attiyah / Matthieu Baumel (Toyota) + 28s
3º – Carlos Sainz / Lucas Cruz (Peugeot) + 1min56
4º – Giniel De Villiers / Dirk Von Zitzewitz + 2min05
5º – Nani Roma / Alex Haro Bravo (Toyota) + 2min56
26º – Sylvio de Barros / Rafael Capoani (MINI) + 37min41

UTVs
1° Mao Ruijin / Sebastien Delaunay (Polaris) 4h26min29
2º Li Dongsheng / Quanquan Guan (Polaris) + 55min24
3º Leandro Torres / Lourival Roldan (Polaris) + 2h03min21
4º – Santiago Navarro / Oriol Vidal + 2h08min31
5º – Wang Fujiang / Li Wei (Polaris) + 2h08min31

Quadriciclos

1° – Pablo Copetti (Yamaha) 3h49min06
2º – Nelson Sanabria Galeano (Yamaha) + 1min54
3º – Marcelo Medeiros (Yamaha) + 4min20
4º – Axel Dutrie (Yamaha) + 5min41
5º – Ignacio Casale (Yamaha) 6min25

Confira programação do Rally Dakar 2017:
04/01

3ª etapa – San Miguel de Tucumán – San Salvador de Jujuy (Argentina)
Carros, Motos, UTVs e Quadriciclos
Total: 780 km
Trecho cronometrado: 364 km
Caminhões: 757 km
Trecho cronometrado: 199 km

05/01
4ª etapa – San Salvador de Jujuy – Tupiza (Bolívia)

Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 521 km
Trecho cronometrado: 416 km

06/01
5ª etapa – Tupiza – Oruro (Bolívia)

Carros, Motos, UTVs e Quadriciclos
Total: 692 km
Trecho especial: 447 km
Caminhões
Total: 683 km
Trecho cronometrado: 438 km

07/01
6ª etapa – Oruro – La Paz (Bolívia)

Carros, Motos, UTVs e Quadriciclos
Total: 786 km
Trecho cronometrado: 527 km
Caminhões
Total: 772 km
Trecho cronometrado: 513 km

08/01: Dia de descanso – La Paz (Bolívia)

09/01
7ª etapa – La Paz – Uyuni (Bolívia)
Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 622 km
Trecho cronometrado: 322 km

10/01
8ª etapa – Uyuni – Salta (Argentina)

Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 892 km
Trecho cronometrado: 492 km

11/01
9ª etapa – Salta – Chilecito (Argentina)

Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 977 km
Trecho cronometrado: 406 km

12/01
10ª etapa – Chilecito – San Juan (Argentina)

Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 751 km
Trecho cronometrado: 449 km

13/01
11ª etapa – San Juan – Río Cuarto (Argentina)

Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 754 km
Trecho cronometrado: 288 km

14/01
12ª etapa – Río Cuarto – Buenos Aires (Argentina)

Carros, Motos, UTVs, Quadriciclos e Caminhões
Total: 786 km
Trecho cronometrado: 64 km

DEIXE UMA RESPOSTA