Roteiro Aventura: Santos, Santos, Go!

Fizemos um “bate e volta” de respeito a bordo de uma Honda SH 300i Sport

TEXTO E FOTOS: TRINITY RONZELLA

Ocupando a quinta posição no ranking de IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), aferido pela ONU com base nos níveis de expectativa de vida, educação e PIB per capita, Santos (SP) é uma cidade que encanta pelo visual, história e importância.

RETROSPECTIVA

Depois de instalada na Vila de São Vicente, a comitiva de Martim Afonso de Souza começou a ocupar a região, cijo primeiro padroeiro foi São Jerônimo, simbolizado por um oratório. Em 1534, foi instalado um porto canoeiro de uso particular que se tornou de uso comum, para, cinco anos depois, dar início à regulamentação das terras ocupadas e trabalhadas. A Ilha Barnabé, que conta com uma placa às margens da rodovia e sempre me trouxe curiosidade, foi concedida a Brás Cubas, que, em 1540, começou o plantio da cana de açúcar e outros produtos de primeira necessidade.

Por mais que soe estranho para nós, brasileiros, um maremoto, em 1542, obrigou a transferência da sede da Vila de São Vicente, o que aumentou a concentração de pessoas no Porto (que, por já existir uma capela dedicada à Santa Catarina, se tornou a segunda padroeira). Como a região do porto era mais abrigada e protegida que São Vicente, Brás Cubas decidiu ficar naquele local e conseguiu transferir o Porto para a região atual. Com isso, surgiu a primeira denominação em língua Portuguesa: Porto da Vila São Vicente.

No ano de 1543, foi fundada a Irmandade para edificação do Hospital de Santa Casa de Misericórdia de Todos os Santos, que, em seguida, foi denominado Porto de Santos e, finalmente, Santos. Já na categoria de cidade, após mais de 200 anos de estagnação (janeiro de 1839), foi feita a construção dos canais sanitários e a ligação ferroviária com o Planalto através da “The São Paulo Railway Co.”, o que foi importantíssimo para o desenvolvimento da região, que teve, como grande responsável, o café. Mais recentemente, em 1969, a cidade teve sua autonomia política cassada por ser a “cidade da liberdade” e ter suas “vozes” afrontando o novo regime, e foi declarada Área de Segurança Nacional, não podendo mais escolher seu prefeito.  A situação só se normalizou em 1984.

ATRATIVOS

Santos é conhecida internacionalmente por suas praias e jardins muito bem cuidados, pelo Museu do Mar e por seu Aquário, entre outros atrativos, mas esta matéria tem como objetivo preencher aquele dia que não lhe trouxe muita inspiração, quando você não sabe o que fazer – ou seja, vamos sair do sofá e ir tomar um café diferente! Para o paulistano, dá para sair às 8h e voltar as 16h, satisfeito com o passeio, que pode ser “solo” ou em grupo.

SUGESTÃO

Descendo a Rodovia Imigrantes, siga direto para Santos. Você vai entrar para a região do Porto, que é bem legal, mas vamos nos focar em outra história santista.

MUSEU PELÉ

Fica exatamente em frente ao Bonde Turístico de Santos e é identificado por uma placa. Visto de fora, parece um portal que nos leva a outra época. A arquitetura externa não condiz com a interna que, por sua vez, não combina com o acervo que expõe a história do “Rei Pelé”. Não gosta de futebol? Eu também não! Mas a história que está exposta no local é incrível. Vale a pena tirar um tempo para ler as histórias e assistir aos vídeos. Um café, loja do Santos Futebol Clube, tudo de muito bom gosto. Aproveite bastante, pois o roteiro é tranquilo e perto de São Paulo. O local funciona de terça a domingo, das 10h às 18h, e a entrada é paga.

VILA BELMIRO

O Estádio Urbano Caldeira está a 2,5 km do museu – é pertinho e imperdível! Trata-se de um verdadeiro quarteirão no meio de “casas normais”. Como pode um lugar tão “pequeno” ser tão grande e mágico, e ainda estar recheado de tantas histórias do esporte mais importante do país? Visitar a Vila Belmiro é muito interessante! Descreverei minha impressão assim que cheguei perto do estádio pela primeira vez. Dei uma volta com a moto ao redor do complexo e não resisti: parei para fazer duas fotos!

Fundado em outubro de 1916, a praça de esportes recebeu o primeiro jogo dez dias depois, contra o Ypiranga, pelo Campeonato Paulista. O Santos venceu por 2×1. A Vila tem uma programação de visitas que recebe gente do mundo todo. Passa pelo Memorial da Conquista, troféus, imagens incríveis, vídeos e, também, uma passadinha dentro do estádio, às margens do campo.  

É muito legal visitar um lugar com tanta história envolvendo grandes nomes do nosso futebol. A visita não é demorada – em uma hora e meia, é possível conhecer tudo com tranquilidade. Funciona de terça a domingo, das 09h às 18h. Nos dias de jogos, pode haver alterações.

PASSEANDO…

Um passeio pela orla de Santos é sempre agradável! Siga para a orla como se fosse para a Balsa – a referencia é a Basílica Menor de Santo Antônio do Embaré. À sua frente há um retorno. Faça esse contorno e, em seguida, entre à direita na Rua da Basílica, um tipo de calçadão. Vale uma parada rápida para dar uma olhada na igreja, que originou-se de uma capela erguida em 1875. Já em 1930, foi dado início à nova edificação, para ser finalizada em 1945. No estilo Neogótico, conta com um órgão com 3.800 tubos.

ALMOÇO

Passando ao lado da Basílica, ao final, vire à direita (é obrigatório) e, na segunda à esquerda, de esquina, há uma opção bem legal para o almoço (não abre aos domingos). Comida natural, com bom custo/benefício, não turístico e de qualidade. Se preferir, você pode voltar à região do porto e almoçar por lá, pois há ótimas opções.

COMO FOMOS?

Usamos a elegante Honda SH 300i Sport, uma Scooter bem interessante! Cumpre o papel de agilidade na cidade e, na estrada, vai além. Porta-se como um veículo confortável e seguro. Econômica (a motocicleta fez 31km/l nesta matéria), conta com um bom espaço sob o banco, o que facilitou bastante este roteiro – pude guardar e retirar os equipamentos com facilidade. Confortável, faz o deslocamento no trânsito caótico ser mais agradável, devido à sua suspensão. Os freios CBS se mostraram eficientes e seguros.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

You don't have permission to register