Team Rinaldi amplia lideranças no Motocross e no Enduro FIM

Rafael Becker (classe 50cc) e Maiara Basso (MXF) vencem mais uma pelo Brasileiro de MX; Rômulo Bottrel é o destaque da E1 no Brasileiro de Enduro FIM

Texto: Redação
Fotos: Divulgação/Café Fotos/Mundo Press

O Team Rinaldi teve saldo produtivo neste final de semana (25 e 26), em desafios que agitaram o calendário nacional do motociclismo off-road. A equipe ampliou lideranças no Campeonato Brasileiro de Motocross direcionado às categorias 50cc, 65cc, MXF e MX4, cuja segunda e penúltima etapa foi realizada em Joinville (SC). Na quarta etapa do Brasileiro de Enduro FIM, em Aracruz (ES), o líder Rômulo Bottrel foi destaque e confirmou vitória na categoria E1.

Os pilotos do Team Rinaldi utilizaram os pneus off-road dos modelos HE 40, RW 33, SR 39 e RMX 35. No motocross, Rafael Becker (atual campeão da 50cc) e Maiara Basso (MXF) seguiram invictos na liderança das respectivas classes. A dupla ficou muito perto de conquistar os titulos da temporada, sendo que a etapa final está marcada para o dia 4 de setembro em Morrinhos (GO).

“Foi um bela prova. Larguei bem e fiquei na frente do início ao fim”, relatou Becker, que ainda cravou o segundo lugar na corrida da 65cc. Entre as mulheres, Maiara também foi absoluta. “Ganhei de ponta a ponta e deu tudo certo. A pista estava difícil e técnica, com muitas canaletas, mas eu gostei bastante e me diverti”, contou a gaúcha.

No Brasileiro de Enduro FIM, Bottrel venceu novamente pela E1 e está tranquilo na liderança da classe. Ele ainda ficou muito próximo de faturar a vitória na classificação geral em Aracruz. “A diferença foi muito apertada, de apenas alguns segundos, e eu fiquei em segundo lugar na geral. A prova foi muito bem elaborada e teve deslocamentos apertados e especiais técnicas em terreno seco”, contou.

O Team Rinaldi ainda acelerou na etapa capixaba com Bruno Martins (3º e 2º colocado nas disputas da E1), Júlio Ferreira (2º e 2º da E2) e Michel Cechet (2º e 3º da Over 35), que completaram o Zanol Team Rinaldi ASW Honda, e com os irmãos Ripi Galileu (2º da E3) e Riago Dilan (6º da E2).

DEIXE UMA RESPOSTA