Confira como foi o Serra Negra Motorcycle 2017

Comidas típicas, boa música e diversão entre os participantes deram o tom do Serra Negra Motorcycle 2017

Texto e fotos: Cleber Grafietti

Serra Negra Motorcycle 2017

E lá se foi a segunda edição do Serra Negra Motorcycle 2017! O encontro foi realizado em uma das principais cidades do Circuito das Águas, sempre muito hospitaleira com os motociclistas que aos finais de semana se espalham pela região em busca da ótima gastronomia, vestuário de qualidade e roteiros turísticos para apreciar a natureza.

O evento foi realizado entre os dias 21 e 23 de abril, no Centro de Convenções Serra Negra, espaço cedido pela Prefeitura. A organização ficou por conta da Equipe Serra Negra Motorcycle, que é integrada pelo Marcão, da Fúria Radical, Jeferson, da Gauleses Couro, e Marcos Bagrão, com apoio do Moto Clube Cruz de Ferro.

Serra Negra Motorcycle

Mais de 7 mil pessoas estiveram presentes nos três dias do evento, sem falar dos mais de 150 moto clubes e moto grupos, e das mais de 100 barracas que ali se instalaram para curtir cada momento do encontro, regado a muita amizade, comida, bebida e rock and roll.

Energia contagiante

A alegria contagiante era visível em cada um dos visitantes, sendo comuns os tradicionais selfies em grupos, registrando cada detalhe, cada sorriso, cada olhar atendo a tudo. Diversas marcas estiveram no encontro, seja expondo produtos ou mesmo oferecendo serviços, como a venda de motos e acessórios, vestuários, decorações temáticas, e até mesmo “dar um tapa” no visual, com opções para cortar o cabelo ou fazer a barba.

A praça de alimentação, situada no centro do evento, foi cercada de food trucks e quiosques que serviram os mais diversos lanches e petiscos para atender aos mais exigentes sabores, indo do ocidente ao oriente, desde as cozinhas tradicionais brasileiras, passando pela espanhola, até a apreciada culinária japonesa, ou seja, teve alimentação para todos os gostos.

VEJA TAMBÉM: Weekend – São Lourenço (MG): Siga para a estrada!

Brindes animaram a galera

Os locutores Neto e Aranhã animaram muito a galera, principalmente na distribuição de brindes aos participantes, que rolou durante todo o evento. E para aqueles que puderam acampar no local, sob um frio de quase zero grau, ou estavam como acompanhantes, a oportunidade foi perfeita para apreciar um chopp artesanal, além das tradicionais batinhas.

E se tem uma coisa que motociclista gosta muito é de música. Esta segunda edição contou com a apresentação de 14 bandas, que se dividiram para reviver o melhor do classic rock. No palco subiram desde músicos novatos, que tiveram a oportunidade de se apresentar para um público acostumado a grandes espetáculos, até bandas tradicionais e que sempre se apresentam nos encontros de motociclistas, como o Trio Vitrola Velha, Vintages, Velha Mistura, Sete Galo e Gettin the Crime, que em grande estilo tocaram os hits que fazem a diferença geração após geração.

O Serra Negra Motorcycle 2017 mal acabou e já estão surgindo as expectativas para o próximo evento. A cada edição, o encontro vem se modificando para oferecer o de melhor aos motociclistas. Muitas novidades estão por vir, aguardem!

VEJA TAMBÉM: Fé na estrada – Pilote pela Região entre São Paulo e Minas Gerais.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA