harley-davidson-338r-moto-adventure

Modelo batizado de 338R será destinado ao mercado chinês e faz parte da estratégia da marca para ampliar sua presença global.

A partir do final do ano passado, começaram a surgir rumores de que a Harley-Davidson estaria trabalhando em um projeto secreto voltado ao desenvolvimento de uma moto de baixa cilindrada, voltada ao mercado chinês. Recentemente, o site BushLane trouxe uma foto-espiã que mostra um protótipo da motocicleta e que ja’estaria em fase avançada de desenvolviemnto.

harley-davidson-338r-moto-adventure

A moto inicialmente seria batizada de 350, mas o pedido de patente faz menção à um modelo de 353cm3, graças a um motor bicilíndrico que jé equipa modelos da Qianjiang e da Benelli. Graças à revelação da foto, supõe-se que a marca de Milwaukee está desenvolvendo uma moto com componentes da Benelli 302S, que utiliza este mesmo motor 353, mas com capacidade reduzida.

Com a saída de Matt Levatich e a chegada de Jochen Zeits como o novo presidente da companhia, este projeto pode ganhar ainda mais força, dentro do programa Rewire, que visa reduzir custos e ampliar a presença global da marca, o que teria como objetivo, fomentar a sua presença em grandes players asiáticos.

Parceria indiana?

Outros rumores que começam a ganhar força, segundo o site Ride Apart, é que a Harley-Davidson estaria sondando alguns fabricantes indianos para formar parcerias, entre elas a Mahidra & Mahindra, que hoje possui as marcas Jawa e BSA.

Depois do cancelamento do lançamento da Bronx e de modelos como a PanAmerica terem ficado em compasso de espera, agora também sabe-se que dentro do plano Rewire estão previstos cortes de pessoal e até mesmo o fechamento da fábrica de Bawal, garante o Rideapart.

Fincar sua bandeira em dois dos maiores mercados mundiais seria muito importante para os planos de consolidação da Harley e por mais que os executivos da marca rejeitem tal possibilidade, parece que o ditado “onde há fumaça, há fogo”, sinaliza que alguma movimentação está acontecendo neste sentido.

Deixe uma resposta