Fomos convidados para experimentar os lançamentos 2018 da Indian Motorcycle. Andamos o dia todo na Scout, Scout Bobber, e Chieftain Dark Horse, e quase não voltamos! Como não poderia deixar de ser, chamamos muita atenção por onde passávamos com essas motos. Veja os destaques dessas belas máquinas

TEXTO: LAERTES TORRENS FILHO
FOTOS: GUSTAVO EPIFÂNIO

Em um roteiro bem elaborado, que valorizava as propostas de cada modelo, passamos um dia todo pilotando os novos modelos da Indian Motorcycle. Depois de um café na concessionária Indian em São Paulo, seguimos para a Rodovia Castelo Branco. Na marginal, já deu para notar como as motos se comportavam no pesado trânsito paulistano e a reação que causava nas pessoas. Com os 3 modelos rodando juntos, viramos a atração daquele momento!

Na Rod. Castelo Branco, conseguimos relaxar um pouco e curtir mais as motocas, a ponto de ligar o som da Chieftain Dark Horse, colocar o piloto automático e conhecer um pouco mais dessa função. Saímos da Castelo com destino a Pirapora do Bom Jesus, era hora de sentir as curvas, e foram muitas! Seguimos para Cabreúva e depois, passamos pela Estrada Parque. Nesse trecho todo, de pista simples e sinuosa, conseguimos extrair a essência desse estilo de moto e, por alguns momentos, parecia que aquilo não era um trabalho! Com um intervalo para almoço em Indaiatuba, saboreamos uma deliciosa costela, e seguimos viagem, já retornando para a capital.

Na Rod. dos Bandeirantes, com um limite maior de velocidade e já familiarizados com as motocicletas, pudemos sentir realmente a força dos motores de 1300 e 1800cc, e algumas particularidades dos modelos disponíveis. Foram pouco mais de 200km que serviram para confirmar que a Indian não veio para brincadeira, vai disputar com força o mercado das custons. Quem se atrever a sentar, ligar e andar, vai se encantar!

Em breve, Moto Adventure testará modelo por modelo para, com isso, tentar facilitar a vida dos apreciadores do estilo Custon! Abaixo as primeiras impressões das motos:

Chieftain Dark Horse: A grande diferença desse modelo para o anterior, além do preto fosco predominante em toda a moto, ficou por conta do novo aro de 19” com pneu dianteiro com perfil mais baixo, que deixou a motocicleta muito mais fácil de pilotar em baixas velocidades. O câmbio de 6 marchas é perfeito, o escalonamento é macio e exato.

Indian Scout: Havíamos pensado que o fabricante não conseguiria melhorar o que já era muito bom, e nos surpreendemos com a nova versão, pois a motocicleta ficou excelente! A nova suspensão dianteira do tipo garfo telescópico  com cartucho interno deu maior equilíbrio ao conjunto de suspensões, na parte traseira existe a possibilidade de regulagem do curso dos amortecedores, uma excelente ideia tendo em vista que esse modelo também é indicado para uso de garupa, inclusive a nova Scout já vem com o banco de garupa instalado, diferentemente do modelo anterior, que vendia o banco como  acessório opcional.

Scout Bobber: Existe uma nova tendência no mercado de motocicletas: os modelos customizados. A Indian está antenada a esse mercado e lançou esse nobre produto. Como bem sabemos, a linha Scout é um “canhão” de dois cilindros, o motor exibe um lindo design e excelente acabamento, tem força em baixa rotação e uma elasticidade em alta que parece muito com os tradicionais motores de quatro cilindros japoneses, entrega muita energia ao condutor. No aspecto visual o peso foi aliviado, vem com desenho novo na traseira e dianteira, e é do tipo recortado. As pedaleiras e manetes são recuadas em 38mm e a posição de pilotagem ficou mais ereta. É uma moto preparada para muitas emoções e indicada para ser um monoposto, e não vem com banco de garupa. A Bobber vem com pneus de uso misto e rodas pretas, que dão um charme à mais nesse modelo muito cobiçado no mercado de customizadas.

CONFIRA  GALERIA DE FOTOS:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here