Pilotos espanhóis vão acelerar a RC213v na principal categoria do Mundial de Motovelocidade

POR REDAÇÃO

FOTOS: HRC. DIVULGAÇÃO: MUNDO PRESS

A três meses para o início da temporada 2020 da MotoGP, uma das principais novidades para o próximo ano é a chegada de Alex Márquez, atual campeão da Moto2, na Repsol Honda Team. O espanhol de 23 anos é irmão e agora companheiro de equipe do oito vezes campeão mundial de motovelocidade, Marc Márquez, na principal categoria da competição.

A notícia foi confirmada após o encerramento da última etapa de 2019, em Valência, na Espanha, que também marcou a aposentadoria de Jorge Lorenzo, até então, companheiro de Marc Márquez. Em menos de 24 horas após o anúncio do contrato de um ano, Alex já acelerava a RC213V ao lado do irmão.

Foram dois dias de testes em Valência e dois em Jerez. “Quero agradecer a Honda por esta oportunidade. Estou muito feliz com o meu ritmo e os meus primeiros resultados nos testes. Obviamente, tenho muito a melhorar e trabalhar, mas estou satisfeito nessas primeiras atividades”, destaca Alex, que tem também no currículo o título da Moto3 em 2014.

Já Marc Márquez se recupera de uma cirurgia, bem-sucedida, no ombro direito, realizada em 27 de novembro. Os irmãos voltam às pistas nos dias 7, 8 e 9 de fevereiro para mais testes da pré-temporada, em Sepang, na Malásia.

Veja Também