Modelos escolhidos foram Himalayan e Continental GT, que deram vida à filosofia de Moto Purismo, unindo o espírito de aventura característico da marca às paixões dos entusiastas presentes no festival

Texto: Redação
Fotos: Divulgação

Wheels and Waves

A Royal Enfield mostrou duas novas versões personalizadas de suas motocicletas na quinta edição do festival Wheels and Waves, reconhecido evento europeu que une surfe e motociclismo, ocorrido entre 14 e 18 de junho em Biarritz, na França. A marca de motocicleta mais antiga do mundo em produção marcou sua presença exibindo as exclusivas SurfRacer e Gentleman Brat, desenvolvidas com base na linguagem de design simples, que é característica da Royal Enfield.

Ao longo dos anos, o Wheels and Waves se tornou um elo entre o motociclismo e a cultura de skate e surf, por meio da filosofia, música e estilo presentes em cada um. O evento se consagrou uma referência em termos de novidades que giram em torno da indústria de motocicletas, além de mostrar tendências e unir comunidades de surf para um público de mais de 15 mil visitantes nos quatro locais em que o evento acontece.

VEJA TAMBÉM: Weekend Tour – Viagem de moto para Torres (RS): Mar e Simpatia.

Royal Enfield
Royal Enfield

Design feito em parceria

As versões da Royal Enfield para sua terceira participação no festival foram desenvolvidas em colaboração com a Sinroja Motorcycles, sediada em Leicester, no Reino Unido. Os modelos da marca são alguns dos preferidos para a personalização e expressões artísticas, muito por conta de seu design simples, que há décadas inspira profissionais em todo o mundo a chegar a novos patamares de customização. Essa febre condiz com o objetivo da marca, que é construir motocicletas que se tornem a própria extensão do piloto, permitindo que cada um se expresse de uma forma exclusiva.

Para Arun Gopal, head de Negócios Internacionais da Royal Enfield, essa filosofia está muito presente nas duas versões apresentadas. “Atualmente, há um ecossistema no motociclismo que tem diversas formas de expressão e que vão além da pilotagem. A Royal Enfield trabalha para estar no centro desse ecossistema. A simplicidade das máquinas colabora para atrair entusiastas que simpatizam com seu perfil e gostam de personalizá-las, transformando-as em um meio de expressão pessoal. Nossa comunidade de motociclistas e customizadores representam esse modo de vida, criando expressões mais nítidas de sua ideia de motociclismo nas próprias máquinas da Royal Enfield”.

VEJA TAMBÉM: Royal Enfield Continental GT (535cc): A cafe racer top.

VEJA TAMBÉM: On The Road – Viagem de moto de Las Vegas a Los Angeles.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here