A convite da JTZ Motos do Brasil e da Kymco Motos, fomos os únicos representantes da imprensa brasileira a acompanhar de perto tudo que rolou no Tokyo Motorcycle Show 2018. O salão voltado ao setor de duas rodas apresentou diversos lançamentos que vão movimentar o cenário motociclístico

POR GUILHERME DERRICO E LAERTES TORRENS FILHO
FOTOS: LAERTES TORRENS FILHO

Um exemplo a ser seguido! O Tokyo Motorcycle Show 2018 alcança a sua 45ª edição, sendo o maior do evento do setor no Japão. Foram três dias de atividades nos salões do centro de convenções e exposições Tokyo Big Sight. Em resumo, podemos falar que o espaço é dedicado exclusivamente aos negócios. Muito diferente dos estandes que estamos acostumados a ver no Brasil, que usam uma arquitetura arrojada (os espaços são imponentes, cheios de luzes e detalhes que podem até ofuscar o brilho das motos, ou seja, há muito investimento construção), os estandes japoneses são simples e oferecem ao consumidor maior facilidade para conhecer e comprar a motocicleta desejada.

Em todos os estandes fomos muito bem tratados pelo povo japonês, que sabe receber muito bem seus visitantes. Vale ressaltar que os colaboradores do evento estavam preparados para atender a mídia internacional e falavam inglês perfeitamente. Os fabricantes que marcaram presença foram Honda, Yamaha, Suzuki, Kawasaki, BMW, KTM, Triumph, Ducati, MV Agusta, Indian, Kymco, Harley-Davidson, entre outros.

Simpatia oriental

Podemos destacar a simpatia das japonesas que estavam recebendo os amantes da Triumph Motorcycles. Elas ficavam na abertura do espaço passando informações e convidando o público a conhecer de perto as novidades da marca inglesa. Para nossa maior surpresa, no estande da Indian Motorcycle vimos diversos moto turistas devidamente produzidos, com roupas em couro e suas devidas proteções.

A Kymco trouxe como novidade o Ionex, que é um scooter elétrico revolucionário. Também foi apresentado a atualização do sistema Noode Navigation, além de uma enorme gama de produtos. Exibindo uma preocupação com as questões envolvendo o meio ambiente, o estande da fabricante taiwanesa causou muita agitação. Aproveitando a ocasião, apuramos que a rede Kymco/JTZ está em expansão, juntamente com a Suzuki, e estima que ainda este ano mais de 30 concessionárias serão abertas no Brasil. A Kymco está presente em terras brasileiras a menos de 1 ano e já conquistou metade do mercado de scooters na faixa de 300 cc.

Novidades

As raridades expostas nos estandes das marcas fizeram a festa do público. A Ducati, por exemplo, causou furor com a apresentação da nova Panigale V4 S. A Kawasaki lançou o modelo Ninja H2 SX SE e, pelas imagens, vocês podem ver a fisionomia dos presentes, a moto é demais! A Suzuki apostou suas fichas na nova V-Strom, que inclui muitos maleiros para que a viagem seja feita de modo de mais tranquilo. O modelo RR 800 da MV Agusta também chamou bastante a atenção. Todos os fabricantes mostraram seus lançamentos contendo o que há de mais moderno em design e tecnologia no mundo.

Como de praxe, fora as motocicletas, havia a exposição e venda de produtos voltados ao setor, tais como capacetes, vestuário, itens para decoração e peças para customização das máquinas.

Deixamos aqui nossos sinceros agradecimentos à JTZ e à Kymco por nos proporcionar essa experiência, que aumentou muito nossa bagagem cultural.

Arigatô!

CONFIRA MAIS DETALHES NA GALERIA ABAIXO:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here