Pusemos à prova a nova Yamaha Neo 125 UBS, uma scooter econômica, prática e com design atual

POR: JAN TERWAK

FOTOS: EDGAR KLEIN / CARLA GOMES / VINÍCIUS ANDRADE / LAERTES TORRENS FILHO

A Yamaha Neo 125 UBS é a cara da cidade: urbana, ela foi feita para quem quer se locomover diariamente no trânsito caótico das metrópoles, seja para ir ao trabalho ou à faculdade ou simplesmente desviar dos carros durante a condução. Justamente por isso, esta scooter é muito prática e simples de pilotar, o que a torna ideal para quem está se iniciando no mundo das duas rodas ou quer uma opção a mais para se deslocar por aí.

O estilo da moto impressiona, com linhas arrojadas e agressivas, farol em LED e balança monobraço, itens que remetem a modelos de maior cilindrada. A pilotagem da Neo 125 UBS se mostrou fácil e intuitiva. O câmbio é automático CVT (transmissão continuamente variável), ou seja: nesta motocicleta não há trocas de marcha, muito menos acionamento da embreagem. Basta acelerar que a resposta é instantânea e a potência é transferida ao asfalto.

A potência máxima da Yamaha Neo 125 é de 9,8 cv à 8.000 rpm e o torque é de 0,98 kgf.m à 5.500 rpm. Na cidade, isto é mais que suficiente e garante arrancadas e retomadas ágeis. Já na estrada, o motor mostra sua limitação, mas nada que se manter na faixa da direita não resolva. Ela é equipada com injeção eletrônica e abastecida somente à gasolina. A ciclística da Neo é bem acertada e com entre eixos de apenas 1.260 mm, trail de 100 mm e 96 kg. As rápidas trocas de direção são tarefas fáceis e a dirigibilidade da Neo é garantida! O ângulo de esterço é bom e, aliado ao comprimento do guidão, garante agilidade entre os carros no trânsito pesado. Ficar parado no trânsito entre os carros? Nunca mais!

FRENAGEM EFICAZ

O sistema de freios da Neo me impressionou pela eficácia do conjunto e funcionamento. A Yamaha batizou o projeto de UBS. O freio dianteiro é à disco, com 200 mm de diâmetro, e o traseiro é à tambor, com 130 mm. Os freios são combinados, ou seja, ao acionar o freio traseiro, automaticamente uma parcela da força é direcionada para o dianteiro, aumentando o poder de frenagem. Os freios são precisos e garantem uma redução de velocidade segura.

Já que a Neo 125 UBS foi pensada para ser uma scooter essencialmente urbana, ela vem equipada com alguns diferenciais para quem a usa no dia-a-dia, como um porta-objetos de 14 lts de capacidade, um porta-sacolas, dois porta-luvas e cavalete central. O painel tem um velocímetro analógico, hodômetro total (senti falta de um hodômetro parcial), marcador de combustível e a função Eco, que sinaliza ao piloto quando a condução está sendo feita de forma econômica.

CONCLUSÃO

A Yamaha Neo 125 UBS é uma excelente opção para quem quer uma moto econômica, ágil e estilosa para se deslocar na cidade. Se você é esse tipo de consumidor, vale a pena considerar a hipótese de tê-la na garagem.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here