a-realidade-virtual-ja-e-parte-do-desenvolvimento-de-motos

Com o uso de VR (Realidade Virtual) para o desenvolvimento de motocicletas, será possível envolver mais pessoas, inclusive clientes, no processo

A realidade virtual está finalmente começando a revelar o mundo de amanhã e a entrar na vida cotidiana. Chegou até a conquistar um lugar no desenvolvimento de novas motos Yamaha. A marca também retribuiu o favor e desenvolveu sistemas para melhorar o VR para todos.

Para a marca dos diapasões, o VR abre novas portas para melhorar o desenvolvimento de produtos. Masayuki Miki, membro da Divisão de Pesquisa de Tecnologia Fundamental no Centro Técnico de R&D da Yamaha, explica: “A Yamaha tem usado simuladores de pilotagem construídos em torno de motocicletas reais há algum tempo. Como o VR nos permite ‘pilotar’ uma ampla gama de produtos em todos os tipos de ambientes que criamos, nossos simuladores e equipamentos de VR desempenham um papel importante em nossa pesquisa sobre a dinâmica piloto-máquina. Isso também visa atingir nosso Jin-Ki Kanno ideal (criar motos que oferecem satisfação além de transporte).”

Miki ainda acrescentou que, com a utilização do VR, um grupo muito maior de pessoas, talvez até clientes, poderá participar do desenvolvimento de novos produtos: “Se este projeto chegar a uma solução substancial, será possível ter motociclistas com diferentes técnicas e percepções participando de testes.”

Já imaginou poder participar do desenvolvimento de novas motos sem precisar se tornar um piloto de testes profissional? Seria bem interessante!

Deixe uma resposta