Honda CBR 1000RR Fireblade 2018 chega com grafismo atualizado e tecnologia de sobra

POR GUILHERME DERRICO
FOTOS: DIVULGAÇÃO

A Honda acaba de lançar a versão 2018 daCBR 1000RR Fireblade, que recebeu atualizações de grafismo das carenagens para reforçar a esportividade do modelo. A moto tinha sido apresentada ao público durante o Salão Duas Rodas 2017, em uma edição comemorativa aos 25 anos de produção mundial e com produção limitada a 25 unidades.

Esta nova geração está mais leve (redução de 15kg) e 11cv mais potente, o que assegura relação peso/potência recorde de 14% a mais que a versão anterior. E as atualizações não param por aí! Outra novidade domodelo é o pacote eletrônico, composto por uma unidade de medição de inércia (IMU), novo módulo de controle de tração regulável (HSTC) e sistema de seleção do modo de condução da motocicleta (RMSS).

Tecnologia das pistas

A nova CBR 1000RR Fireblade traz linhas que remetem aos modelos de competição da Honda Racing Corporation (HRC). Em toda a concepção do projeto, menor peso, mais potência e controle total da motocicleta foram os principais pontos de atenção. Para Marcos Barros, de Moto Adventure, que participou do test ride para a imprensa especializada, a moto é muito forte e fácil de pilotar. “Essa máquina apresenta muita tecnologia embarcada, com itens disponíveis nas motos de competição. Mesmo com toda essa força, ela é muito fácil de guiar e conta com opções que tornam a condução muito mais divertida”, afirma Barros.

Uma nova era

Um dos pontos que mais se destacam na nova CBR 1000RR Fireblade é a aplicação do conceito “Nova Era do Controle Total”, que se faz presente a todo o momento e foi levada à risca na criação do projeto. O foco era audacioso, e visava elevar a tecnologia, desempenho e segurança em níveis nunca atingidos por uma motocicleta desta categoria. Neste pacote tecnológico estão inclusos sistemas como uma unidade de medição de inércia (IMU) de 5 eixos, que faz a análise da moto em todos os planos e comanda o sistema TCS de controle de torque regulável (HSTC).

Esse comando promove a tração enviada à roda traseira, por meio da ECU do sistema de injeção e do acelerador eletrônico (Throttle-by-wire).  Já os novos freios ABS (também geridos pela IMU), oferecem uma função de controle de elevação da roda traseira RLC – (Real Lift Control), onde quaisquer diferenças detectadas entre a velocidade das duas rodas ativam o sistema.

Quanto custa?

O preço sugerido é de R$ 69.900 na versão CBR 1000RR Fireblade, que está disponível na cor vermelha, e R$ 79.900 na versão CBR 1000RR Fireblade SP, inspirada nas cores de competição HRC (branco, azul e vermelha), sem despesas de frete e seguro.

 

FICHA TÉCNICA:

 

CBR 1000RR Fireblade

MOTOR

Tipo: DOHC, 4 cilindros, 4 tempos, arrefecimento líquido

Cilindrada: 999,8 cc

Potência máxima: 191,7 cv a 13000 rpm

Torque máximo: 11,82 kgf.m a 11000 rpm

Transmissão: 6 velocidades

Sistema de partida: Elétrico

Combustível: Gasolina

CAPACIDADES

Tanque de combustível/Reserva: 16,1 litros

Óleo do motor: 3,4 litros

DIMENSÕES

Peso seco: 177 kg (SP) / 178 kg (ABS)

 

CBR 1000RR Fireblade SP

MOTOR

Tipo: DOHC, 4 cilindros, 4 tempos, arrefecimento líquido

Cilindrada: 999,8 cc

Potência máxima: 191,7 cv a 13000 rpm

Torque máximo: 11,82 kgf.m a 11000 rpm

Transmissão: 6 velocidades

Sistema de partida: Elétrico

Combustível: Gasolina

CAPACIDADES

Tanque de combustível/Reserva: 16,1 litros

Óleo do motor: 3,4 litros

DIMENSÕES

Peso seco: 177 kg (SP) / 178 kg (ABS)

 

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:06

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here