Rodrigo Varela, da equipe Divino Fogão, conquista antecipadamente o título entre os UTVs do Campeonato Brasileiro De Rally Baja. Entre as motos, Fabrício Bianchini volta a vencer uma etapa do Brasileiro

TEXTO: DONI CASTILHO

FOTOS: NIKOLAS GAVLAK / CLAUDIO RIESER / VIRGINIO CRUZ

A cidade de Lençóis Paulista, no interior de São Paulo, foi palco da penúltima etapa do Campeonato Brasileiro de Rally Baja. A tradicional prova, que já está em sua 12ª edição, foi disputa entre os dias 09 e 11 de novembro.

1º DIA (SÁBADO)

Depois das chuvas nos dias anteriores, o sábado começou com céu encoberto e temperaturas amenas. Bom para os competidores, que percorreram o roteiro de 141 km de trechos cronometrados. O percurso foi recheado de obstáculos, com trechos rápidos, piso misto entre areia e cascalho com lombadas, tudo em meio a plantações de reflorestamento de eucalipto.

Entre as motocicletas, Fabricio Bianchini, no comando da Husqvarna 501 (#2) garantiu a primeira posição na geral e na categoria Production. “Tivemos uma especial técnica que exigiu muita concentração. Vamos revisar o equipamento e tentar manter o ritmo neste domingo”, disse o piloto paulista da equipe Bianchini Rally.

Cristiano Batista, a bordo do Can-AmMaverick X3 (#111) da equipe Transmáquinas Racing, fez o melhor tempo entre os UTVs. “Uma prova sensacional, a qual curti muito andar. Sempre gosto de ‘tocar’ aqui e só tenho que parabenizar a organização pela excelente prova”, destacou o piloto de Pato de Minas (MG).

Na primeira posição entre os quadriciclos esteve Milton Martens (#19), com o BRP Renegade 1000 XXC. “É uma competição bastante técnica, mas muito ‘show’. Vamos para a última fase buscar o título da prova”, concluiu o piloto catarinense.

2º DIA (DOMINGO)

Apesar do trecho cronometrado ter sido o mesmo do dia anterior, com 141 km, o piso estava mais seco e a prova teve outra configuração. O grande vencedor nas motos foi Fabricio Bianchini (Husqvarna 501/Production) marcando no acumulado o tempo de 03h31m21. “Foi uma prova sensacional, adoro todas as provas do Arena, muito bem marcada. No primeiro dia, ganhei com certa vantagem e, no segundo, foi manter um bom ritmo. Soube administrar e fechar bem para garantir esse título. A moto e a equipe estiveram perfeitas. Agora, espero mais competidores nas provas, para que fiquem cada vez mais competitivas. Daqui um mês, vamos para a última etapa do campeonato, no Rally dos Amigos”, comemorou Fabricio, da Bianchini Rally.

Nos UTVs, Cristiano Batista (Can-Am Maverick X3) ficou em primeiro nas duas especiais cronometradas em tempo total de 03h11m22 e venceu o rally. “A prova foi muito interessante e os locais bem escolhidos. Fiquei bastante satisfeito com a vitória”, mencionou o piloto mineiro da equipe Transmáquinas Racing.

Já Rodrigo Varela ficou com o sétimo lugar no Rally Rota Sudeste, mas foi o suficiente para comemorar o título da temporada 2018. “Fiz uma prova segura e consegui alcançar o objetivo traçado no início da temporada, que era buscar o título brasileiro de Rally Baja entre os UTVs. Vim para o Rally Rota Sudeste para pontuar e consagrar-me campeão e aconteceu tudo do jeito que eu queria”, disse o paulista. “Sonhos se realizam por meio de muito trabalho e dedicação. Obrigado à equipe por se dedicar ao máximo para nos levar ao topo do pódio nesta temporada de Rally 2018”, completou o piloto paulista da equipe Divino Fogão Rally Team/Cotton Racing.

A primeira posição no pódio na categoria quadriciclos ficou com Milton Martens (BRP Renegade 1000 XXC), fechando a classificação geral com 03h50m24. “Estou muito contente com mais um título conquistado. O objetivo, no segundo dia, era andar o mais ‘redondo’ possível, eu já tinha uma vantagem e deu tudo certo. Quero parabenizar a organização do rally pelo evento fantástico”, disse o catarinense da equipe Martens Racing.

O próximo e último desafio dos Campeonatos Brasileiros de Rally Cross Country e Baja acontecerá em dezembro, no Rally dos Amigos, em Barra Bonita/SP. A 12ª edição do Rally Rota Sudeste contou com a supervisão da CBM – Confederação Brasileira de Motociclismo, da CBA –, Confederação Brasileira de Automobilismo e da FASP – Federação de Automobilismo de São Paulo. A prova teve o patrocínio da Can-Am e apoio da Prefeitura Municipal de Lençóis Paulista

CLASSIFICAÇÃO GERAL DO 12º RALLY ROTA SUDESTE

Motos

1) 2 Fabricio Bianchini, Husqvarna 501 Foguete, Bianchini Rally, (1)PDA, 03h31m21

2) 5 Cesar Augusto Bogo, KTM 450, Rally Lages, (1)MAR, 03h44m03

3) 14 Caie Matheus, Honda CRF 250R, Tribot Rally Team Racing, (1)REG, 03h46m01

4) 7 Renato Garcia, KTM, (1)OV4, 03h49m09

5) 12 Claudio Birkman, Suzuki RMX 250, (2)REG, C3 Motosport, 4h05m14

Quadriciclos

1) 19 Milton Martens, BRP Renegade 1000 XXC, Martens Racing, 03h50m24

2) 21 Daniel Martinez, Yamaha Raptor 700R, Martinez Pai Racing, 04h00m26

3) 20 Eduardo Birkman, Yamaha Raptor 700R, Thunderkids, 4h26m45

4) 22 Paulo Nicoletti, Kawasaki, Murseta Rally Team, 10h28m44

5) 18 Geison Belmont, BRP Renegade 1000, Meikon Rally Team / MeikonInd, 17h27m00

UTVs

1) 111 Cristiano Batista, Can-AmMaverick X3,Transmáquinas Racing, (1)UTPE, 03h11m22

2) 101 Bruno Varela, Can-AmMaverick X3, Divino Fogão Rally Team, (2)UTPE, 03h12m36

3) 137 Gabriel De Paula Cestari, Can-AmMaverick X3 XRS, Ghia Investimentos / Cotton Racing, (2)UTVP, 03h14m11

4) 117 Ricardo Galli, Can-AmMaverick X3, BRX Rally Team / Cotton Racing, (1)UTVP, 03h14m25

5) 120 Reinaldo Marques Varela ,Can-AmMaverick X3, Varela Rally Team, (1) UT045, 3h14m26

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here