RD 350: A “viúva negra” sobre duas rodas

Motocicleta produzida pela Yamaha marcou época entre os anos 1970 e 1990

Texto: Guilherme Derrico
Foto: Flickr – Axial Ratio

Em 1973, a Yamaha Motor Company Limited produziu uma motocicleta que iria marcar época no Brasil (as primeiras unidades feitas no país datam o ano de 1986): a RD 350. Conhecida como “Viúva Negra”, o veículo utilizava a palheta de torque, mecanismo que veda a mistura do ar, combustível e óleo junto ao carburador, inovando a prática na ocasião. O modelo também foi pioneiro no uso do quadro de berço-duplo e suspensão traseira mono-amortecida de série.

A moto possuía motor de 2 tempos, freio a disco dianteiro e uma caixa de mudanças com 6 marchas. As cores “Candy Red” e “Racing Green” foram as escolhidas pela marca para o início dos trabalhos.

No ano de 1991, a motocicleta recebeu suas últimas modificações, sendo que a produção no mercado brasileiro parou em 1993. Segundo o motociclista Laertes Torrens Filho, o lançamento fez bastante sucesso e gerou muita euforia quando foi criada. “Era uma moto muito potente para a época, porém os freios deixavam a desejar. Daí surge o apelido de ‘Viúva Negra’, pois muitos motociclistas sofreram acidentes e perderam a vida a bordo de uma RD 350, deixando suas esposas viúvas’, diz Laertes.

DEIXE UMA RESPOSTA