Moto Clube do Egito se reuniu para, além de compartilhar a paixão pelas motocicletas, garantir um futuro  mais feliz  para  todos os envolvidos

POR CLÁUDIA TERRA
FOTOS: EGYPTRIDERS

O EgyptRiders começou suas atividades no Cairo, Egito, em 2011, por iniciativa de Amgad Rophail, oficial de relações públicas do grupo, além de outros  motociclistas. “Um dos meus amigos conheceu o fundador do Jordan Riders e eles concordaram em criar uma espécie de filial no Egito”, diz Amgad. O EgyptRiders é uma filial do Jordan Riders, fundado em 2010, com grupos presentes em mais de 15 países e um total de mais de 2.000 membros. Todos fazem questão de estar sempre em contato. “Temos um evento anual, o Jordan Riders Rally, que acontece em abril, na Jordânia, onde reunimos todos os representantes do grupo. O evento reúne mais de 35 grupos, mais de 750 motos, e não só os representantes dos Riders”, lembra Issam Alghalayini, fundador e presidente do Jordan Riders. O Rally está na 5ª edição e aconteceu em Balqa, Jordânia, em um belo e luxuoso  resort.

A filial no Egito tem 40 membros. No grupo há aceitação de mulheres com suas próprias motos. Eles são patrocinados pelo Ministério do Turismo e estão sempre realizando viagens pelo Egito para mostrar as belezas do país, com todo o horizonte abordo das motocicletas. “Nós fazemos passeios para a maioria das cidades no Egito, como Sinai do Sul, Luxor, Alexandria, Fayoum. Os grandes passeios são acompanhados pela mídia. No ano passado, fizemos uma viagem de 4 noites para o sul do Sinai e convidamos outros grupos a se juntarem a nós. Reunimos 55 motos e, no passeio, rodamos de cerca de 1.500 km. Estamos  planejando mais uma viagem para o sul do Sinai, no belo litoral de  Sharm El Sheik. Agora estamos trabalhando na logística e  desejamos reunir  cerca de  80 motociclistas de vários grupos. Será uma viagem   com 4 noites com praia, música safari, mergulhos, atividades noturnas e, no final, terá uma coletiva de imprensa com o governador do sul do Sinai”, explica Amgad Rophail.

Cidade da Paz

Sharm El Sheik é designada a “Cidade da Paz” devido ao grande número de conferências internacionais pela paz mundial lá realizadas. É uma cidade situada na ponta sul da Península do Sinai, na Subdivisão do Sinai do Sul, Egito, sobre a faixa costeira ao longo do Mar Vermelho. Sua população é de aproximadamente 35.000 (dados de 2008). Sharm El Sheikh é o centro administrativo do Sinai do Sul, que inclui as pequenas cidades costeiras de Dahab e Nuweiba, bem como o interior montanhoso, o Mosteiro Ortodoxo de Santa Catarina e o Monte Sinai. É uma pequena cidade com grande rede de hotéis e resorts luxuosos, muitos com praias privativas, restaurantes, bares, diversão à beira mar, além disso a área é cheia de baías e lindos recifes de corais super coloridos, considerada o segundo melhor local do planeta  para mergulho. Sharm El Sheikh é mais uma beleza do Egito que vale apena conhecer com os amigos em um passeio de moto.

No grupo há grande atenção com a harmonia entre os membros. “Os motociclistas do Egito não são só um grupo de amantes das duas rodas, somos como uma família, e esse é o mesmo sentimento para a maioria dos membros”, diz Amgad Rophail. Para ser um EgyptRiders o motociclista precisa seguir algumas regras e ter uma motocicleta que lhe permita viajar e percorrer longas distâncias sem estar sujeita a avarias ou problemas técnicos. Para que a moto esteja em boas condições, de tempo em tempo elas são avaliadas pelo comandante da estrada e pelo oficial de segurança do grupo.

A diretoria é composta por: Presidente/Director: AlyAmer, Vice-presidente: Mohmed Naguib Fayed,  Admin: MahmoudBassem e Tarek Abo Senna,  Public Relations Officer: Amgad Rophail, Treasury Officer: Yasser Shaarawy e Safety Officer: Mohamed elSheikh.

Com o slogan “Future Isprettier”, ou seja, o futuro é mais bonito, o EgyptRiders, também realiza muitos eventos voltados para a caridade, turismo, segurança, e seu lema é fazer coisas boas agora para que o futuro seja realmente melhor. “A maioria dos nossos eventos é dedicado à caridade ou ao incentivo do turismo interno para o Egito, para que os próprios egípcios conheçam e viagem pelo seu país. Temos uma campanha para a segurança dos motociclistas em estradas e distribuímos adesivos e folhetos em vários locais. Uma bela união biker que se diverte rodando, mas que também pensam num futuro melhor para todos”.

Agradecimento especial aos EgyptRiders: Mohmed Naguib Fayed e AmgadRophail, e ao Jordan Riders: IssamAlghalayini.

 

VALE O CLIQUE:

https://www.facebook.com/egyptrider/

 

OUTRAS MATÉRIAS DA CLÁUDIA:

https://motoadventure.com.br/conheca-o-uae-royal-riders-moto-grupo-sediado-nos-emirados-arabes-unidos/

https://motoadventure.com.br/arab-emirates-united-by-motorcycling/

https://motoadventure.com.br/worldwide-psychos-positivity-charity-and-respect/

https://motoadventure.com.br/conheca-o-real-bikers-moto-grupo-libanes/

https://motoadventure.com.br/cross-egypt-challenge-o-rally-dos-scooters-e-motos-do-egito/

 

CONFIRA TAMBÉM OUTRAS REPORTAGENS DA CLÁUDIA TERRA NO SEU BLOG. PARA ACESSÁ-LO, CLIQUE NO LINK ABAIXO.

https://entusiastaadventure.blogspot.com/

 

MAIS DETALHES NA GALERIA DE FOTOS:

 

VEJA O VÍDEO A SEGUIR:

 

*Cláudia Terra é jornalista, motociclista e amante do universo Harley-Davidson.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here