Visitar 40 países em dois continentes, parar fotografar e filmar as paisagens e aventuras sobre duas rodas. Confira essa epopeia de um casal paulista

Texto e Fotos: João Ricardo Wilde

Volta ao mundo

Um motociclista e sua companheira à garupa da moto, filmando e fotografando por 40 países, em 300 dias, registrando estradas, paradas, paisagens, cidades, pessoas, costumes, alegrias e tristezas, com fotos e vídeos com qualidades profissionais. Uma releitura de “uma câmera na mão e uma ideia na cabeça”, de Glauber Rocha, sobre duas rodas, montando uma Yamaha Super Ténéré 1200 – ícone em aventuras – é o que diferencia essa travessia de tantas outras que acontecem nesse momento em todo o mundo.

O casal Wilde, Alice e João, realizou sua primeira viagem para fora do País em uma motocicleta rumo ao Deserto do Atacama, recém-casados e em lua de mel, em 2013, colocando em prática o prévio curso de fotografia para documentar a viagem.

Foi então plantada a semente desse novo hobby que, com o passar dos anos, foi se profissionalizando, até virar a principal atividade profissional da ex-gerente de enfermagem e do ex-coordenador de projetos de TI.

Assim, nasceu pouco tempo depois a Viagem na Foto, uma empresa voltada a edição de fotografias e vídeos de viagens. Especializada em edição de fotos e vídeos para quem viaja de moto, entregando um belo registro das aventuras, independente da experiência e equipamento utilizado.

Rota da Conquista

Em três etapas foram cruzadas América do Sul, América Central e do Norte, mais a Europa. O primeiro trecho teve início com a partida no dia 7 de outubro, em Campinas (SP), a partir de um encontro de motociclistas de diversas tribos, Day Riders – SaturDay Riders Rock, com direito a banda de rock, churrasco, clínica off road e muito mais.

A trip Rota da Conquista de lá partiu para Boituva (SP), Floresta (PR), chegando a Foz do Iguaçu (PR), de onde seguiram pelo Paraguai, Bolívia, Argentina, Chile e Uruguai, visitando os pontos mais cobiçados de overlanders, Salar de Uyuni, Deserto do Atacama, Paso Del Sico, uma parte da Ruta 40, Carretera Austral, Glacial Perito Moreno, Ushuaia, entre outros pontos turísticos.

Com retorno previsto ao Brasil em dezembro, terão sido três meses editando vídeos e captando recursos, para então pegar a estrada novamente.

Em abril de 2018 eles partem para a segunda etapa. O objetivo é cruzar até a Colômbia para, então, atravessar toda a América Central, rumo aos Estados Unidos. Em solo norte-americano, o extremo norte é o primeiro destino, alcançar o Prudhoe Bay no gelado Alasca e depois voltar pelo Canadá até Los Angeles, novamente nos Estados Unidos.

Em Los Angeles, se inicia a travessia mais cobiçada pelos motociclistas de todo o Mundo: a Rota 66. Concluída esta etapa, nossos aventureiros seguem rumo a Montreal, no Canadá, onde embarcam em um voo até a Bélgica. No Velho Mundo e na sede da União Europeia e OTAN, o objetivo na terceira etapa da aventura é rodar pelas estreitas vias dos Alpes, atravessar a Floresta Negra, na Alemanha, fotografar a noite na gelada Noruega e conhecer um grande número de países e pontos turísticos.

O retorno ao Brasil será embarcando em um voo de Bruxelas, na Bélgica, até o Uruguai, e depois percorrer os últimos quilômetros de moto, de volta ao lar.

Apoio:

Pisteiros.com.br, Tmoto/DuMano, Luis Gustavo consultoria em TI, Diário de Motocicleta

Para acompanhar esta saga, acesse:

http://www.rotadaconquista.viagemnafoto.com.br

VEJA TAMBÉM: Aventura no velho mundo – 14 dias pela Europa.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here