Nova Ducati Supersport S chega ao mercado brasileiro com preço sugerido de R$ 63.900,00. Suas principais características são: conforto para a pilotagem do dia a dia, design inovador e versatilidade. Confira nossas primeiras impressões dessa máquina!

POR GUILHERME DERRICO

FOTOS: DIVULGAÇÃO DUCATI / MARIO VILLAESCUSA / EDGAR KLEIN

No dia 13 de setembro, Moto Adventure esteve presente no test ride da nova Ducati SuperSport S. Para sentir toda a condição que a máquina oferece, os convidados rodaram de São Paulo até Mairiporã, cidade localizada no interior paulista. Apostando na versatilidade, a marca italiana desenvolveu a motocicleta de maneira que o piloto se sinta à vontade durante o uso urbano, tenha conforto para realizar viagens e se surpreenda nos track days. De acordo com o fabricante, a posição mais ergonômica e relaxada para o piloto (e também para o passageiro) é a principal característica da moto, que apresenta um visual mais leve e compacto se comparado à versão anterior.

O modelo 2019 conta com suspensão Öhlins totalmente ajustável, sistema de aumento/redução de marchas Ducati Quick Shift (DQS) e capa para o assento traseiro. Possui um motor de cilindro duplo de 937 cm3 Testastretta 11°, que produz 113 cv a 9.000 rpm, e uma curva completa de torque linear com pico de 96,7 Nm a 6.500 rpm. A SuperSport S apresenta, também, três modos de pilotagem (Esportivo, Turismo e Urbano), que possibilitam melhor adaptação em qualquer condição de pilotagem, atendendo às preferências do proprietário.

Seu quadro continua voltado ao design Trellis, que explora o motor como elemento de sustentação de carga. Essa configuração do quadro possibilita a manutenção do peso úmido em torno dos 210 kg, e peso seco de 184 kg. Pensando na individualidade de cada condutor, a Ducati preparou uma linha de acessórios (alguns estão incluídos nos pacotes Sport, Touring e Urban), que permitem a configuração do motor de acordo com as necessidades pessoais. “A possibilidade de adequação dos modos de pilotagem, bem como a utilização de acessórios, permite que cada piloto desfrute de maior conforto e exiba sua personalidade ao conduzir a nova Ducati SuperSport S”, diz o jornalista Marcos Barros, que participou do test ride.

MOTORIZAÇÃO

Com classificação Euro 4, possui quatro válvulas por cilindro, um sistema de ar secundário, arrefecimento a líquido, uma taxa de compressão de 12.6:1 e medições de orifício e curso de 94 e 67,5 mm, respectivamente. O rendimento do motor tem um total de 113 hp a 9.000 rpm e um torque máximo de 96,7 Nm a 6.500 rpm. “O motor de 113 cv impressiona pela força e agilidade. Esse modelo é perfeito para o motociclista que não abre mão da praticidade, sem esquecer da potência e conforto para realizar, também, viagens de pequenas e longas distâncias”, afirma Barros.

FREIOS

Para que toda essa potência seja desfrutada com segurança, o sistema de freio deve ser dos mais confiáveis. Para isso, a Ducati incluiu, na parte da frente, pinças radiais monobloco Brembo M4-32 (movidas por uma bomba radial Brembo PR18/1 com reservatório separado e alavanca ajustável) que comprimem dois discos de 320 mm. Já na traseira, a SuperSport possui um disco de 245 mm preso por uma pinça Brembo de dois pistões. A frenagem é controlada pelo sistema ABS Bosch 9MP com três mapeamentos.

PAINEL

O painel da nova Ducati SuperSport conta com luzes na parte superior que mostram informações de neutro, farol alto e DRL. Também apresenta luzes de aviso adicionais, que destacam o status do ABS, do DTC, a intervenção do DTC, erro do motor (MIL), limite de rotações, situações de pressão do óleo e de reserva de combustível. As informações adicionais na tela incluem: distância total percorrida, percurso 1 e percurso 2, temperatura do fluído de refrigeração do motor, relógio e status do DQS ligado/desligado (se montado). O painel ainda exibe nível de combustível, distância restante, consumo de combustível em tempo real, velocidade média e duração da viagem. “A tecnologia embarcada nessa motocicleta é impressionante. A máquina é leve e muito gostosa de pilotar. A complexidade de informações disponíveis no painel facilita, e muito, a vida do condutor. Trata-se de uma moto que vai cair nas graças de todos os motociclistas, inclusive, os mais experientes”, conclui Barros.

CONFIRA A GALERIA DE FOTOS:

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here