Equipes oficiais da KTM do Brasil integram delegação brasileira no Internacional Six Days Enduro

Internacional Six Days Enduro
Internacional Six Days Enduro

Duas das três equipes oficiais da KTM do Brasil participam do grande retorno das equipes brasileiras ao ISDE

Texto: Redação
Fotos: Divulgação/Janjão Santiago

 

Internacional Six Days Enduro

Bruno Crivilin e Rômulo Bottrel, da equipe Orange BH KTM Racing, e Diego Colett e Gustavo Pellin, da equipe Sacramento Racing, são os quatro pilotos que integram a seleção brasileira e vão defender o país no ISDE, o Internacional Six Days Enduro 2017, que acontece em agosto, na França.

O evento é um dos mais antigos e populares desafios de off-road do planeta, conhecido também como a “Copa do Mundo de Enduro”, atraindo mais de 700 competidores de diversos países a cada edição. O Internacional Six Days Enduro é o mais longo evento anual da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) e acontece desde 1913, lembrando o estilo do Motocross das Nações, onde os pilotos defendem o seu país de origem em uma equipe.

Disputa eletrizante

A disputa exige bastante de cada piloto, que deve ter muita habilidade, velocidade e resistência física, além de bastante conhecimento sobre motocicletas, em especial sobre a sua própria, já que são responsáveis pela manutenção durante os seis dias de prova. A última vez em que pilotos brasileiros tiveram uma delegação oficial foi em 2003, quando a prova aconteceu em território nacional. Após um longo intervalo de 14 anos, o Brasil será representado por uma delegação formada por pilotos da elite do enduro nacional.

Da equipe Orange BH KTM Racing, Bruno Crivilin é o caçula talentoso, Campeão Brasileiro na Categoria Junior de 2015 e Campeão Capixaba. Participando com uma KTM 250 EXC-F, Bruno realiza um sonho ao participar da prova. “Vai ser emocionante representar o meu país nesta prova tradicional que é o ISDE. Acredito que todo piloto de Enduro que ame a modalidade tem o sonho de estar lá e para mim o sonho está perto de virar uma realidade”, conta ele.

VEJA TAMBÉM: Chapada dos Guimarães (MT) off-road.

Veja Também

DEIXE UMA RESPOSTA