Gustavo Pellin e Diego Collet vivem expectativa de defender a seleção brasileira no Six Days Enduro

Equipe Sacramento Racing está em contagem regressiva para a participação no tradicional evento

Texto: Redação
Foto: Janjão Santiago

Six Days Enduro

Após 14 anos, o Brasil está de volta ao International Six Days Enduro, considerado a “Copa do Mundo” da modalidade. A prova é destaque do calendário off-road desde 1913 e será realizada entre os dias 28 de agosto e 2 de setembro em Brive-la-Gaillarde, na França. Os pilotos gaúchos Gustavo Pellin e Diego Colett, da Sacramento Racing, estão em contagem regressiva para integrar a seleção nacional pela primeira vez.

“Defender o Brasil tem um peso diferente e estou muito feliz pela oportunidade de largar entre as melhores equipes do mundo”, comentou Pellin, atual bicampeão brasileiro de Enduro FIM (classe E3). O time nacional ainda conta com os pilotos Bruno Crivilin, do Espírito Santo, e Rômulo Bottrel, de Minas Gerais. O quarteto acelera as motocicletas KTM no evento, que aguarda 700 competidores de diversas nacionalidades.

Pellin já disputou o Six Days em 2014, quando participou da categoria “Clubes” (que permite a inscrição de equipes avulsas). “São seis longos dias de disputas e é fundamental ter bom preparo físico e a cabeça no lugar. A meta é terminar a prova e quem sabe surpreender, já que o Brasil está com um time forte”, acrescentou o piloto.

Colett também terá a honra de vestir a camisa da seleção. “O Six Days é o sonho de qualquer piloto, uma verdadeira Copa do Mundo. Estou muito entusiasmado em defender o Brasil no evento, que será desafiador. Vamos com o objetivo de chegar ao final e fazer o melhor a cada dia”, concluiu o piloto, campeão nacional de Enduro FIM em 2012 (E2).

VEJA TAMBÉM: Entre o céu e a terra: Viagem de moto pelos caminhos do sul de Minas.

DEIXE UMA RESPOSTA